Museu

 

Coordenações do museu


Inauguração e funcionamento do MESC/ Dados da Instituição Museológica

Em 16 novembro de 1992 iniciam-se as atividades do Museu da Escola Catarinense em um espaço na DAPE - Direção de Pesquisa e Extensão da Faculdade de Educação, situada a Praça Getúlio Vargas, no centro da capital, Florianópolis.
A partir de maio de 2000 passou a ter sua sede própria, na Rua Saldanha Marinho, 196. O Museu da Escola Catarinense integra oficialmente o Sistema Nacional de Museus, o que pode ser conferido através de acesso ao site do DEMU-IPHAN. Conforme o Regimento Interno Geral da UDESC (
RESOLUÇÃO N° 044/2007 – CONSUNI) o Museu da Escola Catarinense, MESC, é um Órgão Suplementar Superior vinculado à Reitoria[1] e seu diretor (coordenador) é nomeado pelo Reitor, conforme Artigo 40.


• Dispositivos institucionais de organização e gestão:

O Regimento Interno menciona as atribuições e competências do Museu, em seus artigos 40 e 41, na subseção VIII:

Art. 40. O Museu da Escola Catarinense é um órgão suplementar superior vinculado à Reitoria, com um coordenador nomeado pelo Reitor.
Art. 41. O Museu da Escola Catarinense tem por finalidade reunir informações e elementos materiais e simbólicos sobre as escolas do Estado com o objetivo de preservar objetos, artefatos, documentos e imagens de valor histórico relacionados à cultura escolar e à educação catarinense.
Cabe ao Museu da Escola Catarinense:
I - preservar a memória da escola catarinense;
II - coletar informações e elementos materiais sobre as escolas do Estado;
III - coordenar as ações de salvaguarda e comunicação do acervo;
IV - oferecer suporte às atividades de ensino, pesquisa e extensão relacionadas aos seus objetivos;
V - exercer outras atribuições no âmbito de sua competência ou que lhe forem delegadas. 


Assim, apenas a partir de 2006, o Museu passou a ter uma coordenadoria própria em sua estrutura regimental.
Todavia, é fundamental registrar que tudo começou com a ideia da professora Maria da Graca Machado Vandresen. Podemos dizer que ela foi a primeira gestora do Museu.

NOTAS:


[1] Segundo o Estatuto da UDESC – aprovado pelo Decreto nº 4.184, de 06 de abril de 2006 e publicado no Diário Oficial do Estado de SC nº 17.859, de 06 de abril de 2006 – os Órgãos Suplementares Superiores e Setoriais de caráter interno da estrutura universitária destinam-se a oferecer apoio administrativo e didático-científico a um ou mais Departamentos, Centro ou toda a Universidade (Art 37). Os órgãos Suplementares Superiores destinam-se a dar suporte às atividades específicas em matéria administrativa, técnica, jurídica, de ensino e pesquisa e extensão, de informação, comunicação e marketing, de difusão, cooperação e intercâmbio de assessoramento e de complementação, aperfeiçoamento e modernização dos serviços da UDESC com finalidade de atender à Administração Superior e aos Centros, sendo criados e constituídos por deliberação do Conselho Universitário e regulamentados pelo Regimento Geral (Art 38).

 

Sobre a criação do MESC
Período de 1992 a 2004
Professora Maria da Graça Vandresen

Em 16 novembro de 1992 iniciam-se as atividades do Museu da Escola Catarinense. Contudo, apenas em 2007 foi instalado definitivamente no antigo prédio que outrora abrigou a Escola Normal Catarinense e a Faculdade de Educação e Ciências Humanas da UDESC.
A criação do Museu teve início com o projeto “Resgate da História e da Cultura Material da Escola Catarinense – Museu da Escola Catarinense”, concebido e coordenado pela Professora Maria da Graça Machado Vandresen, a partir do qual foram desenvolvidas as primeiras atividades de localização, registro e coleta de elementos museológicos, postos à disposição do público em exposições temporárias.

Maria da Graça Machado Vandresen (foto acima) é professora aposentada da UDESC e sempre trabalhou em prol da educação, no Centro de Ciências Humanas e da Educação – Faed - e no Centro de Artes – Ceart - UDESC. No seguinte link é possível conferir uma matéria realizada sobre a criação do MESC e o desempenho de Vandresen:

2002_02_20.PDF


 

Período de 2004 a 2008
Professora Vera Lúcia Gaspar da Silva

Presidente e membro da Comissão responsável pelos estudos e implantação do Museu da Escola Catarinense nomeada pelo Reitor da Udesc através da Portaria nº 11/08, publicada no Diário Oficial nº 18.283. Coordenadora do Museu da Escola Catarinense (Portaria nº 137/2004), designada pelo Reitor Anselmo Fábio de Moraes.

Possui graduação em Pedagogia (FESSC /UNISUL, 1983), Mestrado em Educação (PPGE / UFSC, 1993), doutorado em Educação: História da Educação e Historiografia pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo - FEUSP (2004) tendo realizado doutorado sandwich na Universidade de Lisboa e pós-doutorado em História da Educação realizado na Universidade de São Paulo com inserções internacionais: Argentina, Uruguai e Espanha (bolsa CNPq). É Professora Associada do quadro permanente da Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, atuando no Centro de Ciências Humanas e da Educação, no curso de Pedagogia e no Programa de Pós-graduação em Educação (Mestrado e Doutorado), na linha de pesquisa História e Historiografia da Educação, do qual é vice-coordenadora e editora da Revista Linhas. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em História da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: escola primária, cultura material escolar, patrimônio educativo, estudos socio-históricos comparados e história da profissão docente. Integra vários projetos e grupos de pesquisa com inserções nacionais e internacionais. É vice-líder do Grupo de Pesquisa & quot; Observatório de Práticas Escolares & quot; integrante do Grupo de Pesquisa Laboratório de Pesquisas Sociológicas Pierre Bourdieu e sócia fundadora da Sociedade Brasileira de História da Educação e associada da ANPEd.

Nos seguintes links é possível ver alguns artigos da professora Vera, que sao relacionados o Museu da Escola e seu acervo:

 

TÍTULO                 AUTOR         DATA TIPO LINK DOWNLOAD
Palavras viajeiras: circulação do
conhecimento pedagógico em manuais
escolares (Brasil/Portugal, de meados
do século XIX a meados do século XX)
Vera Teresa Valdemarin; 
Vera Lucia Gaspar da Silva
2013 Artigo Palavras_.PDF
Objetos em viagem: discursos
pedagógicos acerca do provimento
material da escola primária (Brasil e Portugal, 1870 – 1920)
Vera Lucia Gaspar da Silva 2013 Artigo Objetos_viagem.PDF
Museu da Escola Catarinense:
Uma biografia
Vera Lucia Gaspar da Silva;
Gisela Eggert-Steindel
2012 Artigo Uma_biografia.PDF
Das materialidades da escola:
o uniforme escolar
Ivanir Ribeiro;
Vera Lucia Gaspar da Silva
2012 Artigo Materialidades.PDF
Cultura material da escola:
entram em cena as carteiras
Raquel Xavier de Souza Castro;
Vera Lucia Gaspar da Silva
2011 Artigo Entram_em_cena.PDF
A aventura de inventariar:
uma experiência no Museu da Escola Catarinense
Vera Lucia Gaspar da Silva;
Marília Gabriela Petry
2011 Artigo A_aventura_de.PDF
Cultura material da escola em
mensagens presidenciais: entre
o dito e o não dito (Santa Catarina
–1874 a 1930)
Vera Lucia Gaspar da Silva; Camila Mendes de Jesus;
Ana Paula de Souza Kinchescki
2010 Artigo Cultura_material.PDF
Por uma história sensorial da escola e da escolarização Diana Gonçalves Vidal;
Vera Lucia Gaspar da Silva
2010 Artigo Por_uma_hist.PDF
Brinquedos da minha infância:
socialização de um acervo
Vera Lucia Gaspar da Silva;
Marília Gabriela Petry
2008 Artigo Brinquedos.PDF
Vitrines da República:
os grupos escolares em SC
(1889-1930)
Vera Lucia Gaspar da Silva 2006 Artigo Grupos_escolares.PDF



 

Período de 2008 a 2012
Professor João Nicolau Carvalho 


Professor aposentado da UDESC (Florianópolis), atuou no Centro de Ciências Humanas e da Educação- Faed, coordenou o Museu da Escola Catarinense entre os anos de 2008-2012, por portaria do reitor da Udesc, Sebastiao Iberes Lopes Melo. Bacharel em Direito pela PUCRJ e Bacharel em Jornalismo pela UFRJ.
Licenciado em Comunicação pelo CENAFOR/UNISUL. Ex-Presidente do Conselho Estadual de Cultura. Ex-presidente da Comissão de Ensino Superior do Conselho Estadual de Educação. Ex-Presidente da Fundação Catarinense de Cultura e Ex-Secretário de Cultura, Esporte e Turismo. Escritor, membro da Academia Catarinense de Letras. Foi Reitor da UDESC no período de 1997-1979.

No link abaixo, confira a Entrevista com João Nicolau Carvalho sobre o Museu da Escola Catarinense, publicada em 16 de agosto de 2008, no Youtube:


 



 

 

Período de 2012  a 2016
Professora Sandra Makowiecky 


Professora do Centro de Artes da UDESC, foi designada para coordenar o Museu da Escola Catarinense por PORTARIA Nº492, de 12/04/2012, pelo Reitor Antonio Heronaldo de Sousa.
Possui graduação em Licenciatura em Ed. Artística, Habilitação Artes Plásticas pela Universidade do Estado de Santa Catarina, especialização em Arte – Educação pela UDESC; Mestrado em Gestão do Desenvolvimento e Cooperação Internacional pela Universidade Moderna de Lisboa e Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas pela Universidade Federal de Santa Catarina.
Atualmente é professora Associada da Universidade do Estado de Santa Catarina. Membro da Associação Brasileira de Críticos de Arte Seção Brasil Aica Unesco (ABCA). Membro da Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA). Membro do Comitê Brasileiro de História da Arte (CBHA). Membro da Associação Nacional de Pesquisadores de Artes Plásticas - ANPAP. Membro do Instituto Histórico e Geográfico de SC (IHGSC). Membro do Fórum de Pró Reitores de Graduação de 2004 a 2012- FORGRAD. Pró Reitora de ensino de graduação da Udesc nos anos de 1994 a 1998, de 2004 a 2008 e de 2008 a 2012 em terceira gestão. Vice-Presidente da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas (ANPAP) no biênio 2007-2008. Vice-coordenadora do Forum de pró-reitores de graduação da região sul (2010-2011). Coordenadora do MESC-UDESC Museu da Escola Catarinense entre 20012 e 2016. Tem experiência na área de Artes atuando principalmente nos seguintes temas: arte, cultura, artes plásticas, representação, imagem, memória, patrimônio histórico, cidades e ensino.

Nos seguintes links é possível ver alguns artigos da professora Sandra que são relacionados o Museu da Escola e seu acervo:

TÍTULO                 AUTOR         DATA TIPO LINK DOWNLOAD
Museu da Escola Catarinense
em sobrevivências possíveis
Sandra Makowiecky 2015 Artigo Anpap2015.PDF
A Representação da cidade de Fpolis
na visão dos artistas, o Museu da
Escola de Fpolis e as ações educativas
Sandra Makowiecky 2014 Entrevista Entrevista.PDF
O que é a Mostra Casa Nova e porque
o Museu da Escola Catarinense irá
sediá-la e suas consequências.
Sandra Makowiecky 2013 Documento O_que_e_.PDF
Visite o Museu da Escola Catarinense Revista Hippo 2015-08 Periódico 2015_08_p1.PDF
Antigo revisitado Sec. da educação 2015-05 Periódico 2015_05_.PDF
Retrospectiva Mostra Casa Nova Jornal Diário Catarinense 2014-03-12 Periódico 2014_03_12_.PDF
Da Casa Nova para o MESC Jornal Diário Catarinense 2013-11-13 Periódico 2013_11_13_.PDF
Mostra Casa Nova é prorrogada
e será realizada no Museu
da Udesc até domingo
Portal UDESC 2013-10-29 Periódico 2013_10_29_.PDF
Museu da Udesc recebe melhorias
para sediar Mostra Casa Nova 2013
Portal UDESC 2013-09-19 Periódico 2013_09_19_.PDF
Reitor e vice-reitor eleitos da Udesc
definem equipe da Reitoria para a
gestão 2012-2016
Portal UDESC 2012-04-10 Periódico 2012_04_10_.PDF
 
Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC / Av. Madre Benvenuta, 2007 - Itacorubi - Florianópolis - SC
CEP: 88.035-901 / Telefone: (48) 3664-8000
© 2010-2012 SETIC - UDESC